Você usa os tradicionais caldos em tablete em suas receitas? Bom, provavelmente sua resposta seja sim! Até mesmo porque atualmente eles fazem muito sucesso entre os temperos da dona de casa.

Outro detalhe que chama muito a atenção, são as variedades de sabores, encontramos de costela, picanha, legumes, bacon, carne, galinha, uma infinidade de opções.

Vira e mexe um sabor novo surge, na tentativa de agradar as pessoas e deixar nossa comida maissaborosa, também tentam nos atrair pela baixa caloria e gordura.

Só que como se trata de um produto industrializado, esses queridinhos da dona de casa, possuem uma alta concentração de química.

Em sua fórmula encontramos em dose altíssima o sódio, essa quantidade é considerada preocupante, além disso, temos também os realçadores de sabo(comopor exemplo o glutamato monossódico) e corantes em excesso, resumindo: “Uma verdadeira bomba para sua saúde”.

Toda essa quantidade significa, perto de 1 colher (chá) cheia, considerando que cada grama de sal possui 400 miligramas de sódio, nossa quantidade diária de sódio deve ser de no máximo 2,000 mg por dia.

Depois dessas informações, você pode estar se perguntando: Quando tem de sódio em cada tablete de caldo?

Mate sua curiosidade:

No caldo de carne: 993 miligramas de sódio

De frango: 1,038 miligramas

Legumes: 900 miligramas

Analisando essas quantidades, significa que apenas um tablete de caldo já possui 50% do que érecomendado você ingerir de sal diariamente.

Como é praticamente impossível uma pessoa passar um dia inteiro sem consumir sal, além desse caldo que você usou para temperar sua comida, chegamos a conclusão que você estoura sua cota diária de sal facilmente.

Tudo isso já pode te assustar, mas existe outra ameaça gravíssima nos caldos que é o glutamato monossódico.

glutamato monossódico além de ter uma taxa altíssima para os neurônios, ela também está ligada à doença de Alzheimer à obesidade.

substância funciona como um neuro bloqueador do hipotálamo, que é o controlador do apetite, fazendo com que você aumente a quantidade de alimento ingerida.

Não estamos alertando somente os adultos, as crianças acabam sendo a pior vítima desses alimentos industrializados.

Depois de analisarmos essas quantidades excessivas e que causam mal para sua saúde, podemosdizer que é melhor você preparar seu próprio caldo em sua casa, deixaremos um vídeo a seguir que ensina o passo a passo para isso.

Assista:

Veja os perigos do Glutamato Monossódico:

E você, o que achou? Deixe sua opinião nos comentários!

Compartilhe com seus amigos!