A dedicação certamente é algo bastante admirado. Afinal, não são todos que conseguem correr atrás de um objetivo e o completar, com determinação e resiliência ao longo da jornada. E sim, mesmo que essa dedicação seja investida em algo totalmente bizarro e sem sentido, como passar 7 anos fazendo procedimentos para se tornar um ornitorrinco ou lançar 1,5 milhões de balões ou mesmo tempo (por favor, não faça isso em casa).

Com isso em mente, aqui estão 5 das pessoas mais estranhas que deram um bom exemplo de dedicação sobre-humana em coisas aparentemente mundanas ou inúteis. Veja só:

5 – O homem que leu um dicionário inteiro (não abreviado)

Muitos não se impressionam com essa conquista, afinal, várias pessoas já completaram tal tarefa. Mas aqui está a questão: os dicionários que encontramos nas escolas ou em lojas são apenas versões abreviadas. A versão que conhecemos contém as palavras mais relevantes da atualidade. É por isso que versões mais recentes do dicionário contêm termos da internet, mas não palavras da antiguidade.

Mas afinal, qual é o tamanho de um dicionário não abreviado? Bem, na última contagem, foram mais de 22.000 páginas e 6 milhões de palavras. E surpreendentemente, um homem chamado Ammon Shea leu tudo isso. O feito, que levou mais de um ano, foi ler o equivalente a um romance inteiro a cada dia e quase custou sua sanidade. Segundo ele, a enorme quantidade de novas palavras com as quais ele foi confrontado durante a leitura do dicionário o fez questionar se ele realmente falava inglês. Quando questionado sobre suas opiniões a respeito da bíblia das palavras, Shea respondeu sucintamente: “É uma boa leitura”.

4 – O homem que enviou revistas de pornografia ao Congresso… por 30 anos

Larry Flynt, um “magnata pornô”, enviou uma cópia da revista Hustler a todos os membros do congresso, uma vez por mês, todos os meses, nos últimos 30 anos. De acordo com Flynt, ele começou a fazer isso nos anos 80 por um desejo de manter os congressistas informados sobre as tendências sociais.

Como você pode imaginar, muitos dos congressistas não ficaram exatamente contentes com caixas gigantes de pornografia chegando em seus escritórios todos os meses. Eles tentaram levar Flynt aos tribunais para fazê-lo parar, apenas para serem informados por um juiz que é Flynt possui o direito de enviar-lhes o quanto de pornografia quiser. Especificamente, eles disseram que a entrega mensal não é suficiente para ser considerada um incômodo. Um juiz disse aos congressistas irritados: “Não podemos imaginar que todos os escritórios do Congresso não tenham lixeiras”.

Quanto ao paradeiro das revistas, a maioria delas acabaram sendo jogadas diretamente no lixo ou sendo enviadas para soldados no exterior servindo no Iraque e algumas acabaram sendo recolhidas em um grande gabinete especializado em pornografia no Congresso, onde todas poderiam “ser jogadas fora mais tarde”.

3 – Um homem passou 10 anos desenvolvendo um alfabeto de pedras

André Quirinus Zurbriggen é um homem que ama rochas. Em particular, ele é fascinado com a ideia de rochas com marcas naturais que parecem ser feitas pelo homem. André possui um interesse especialmente por rochas com marcas que parecem letras. Cerca de uma década atrás, ele encontrou uma pedra com uma marcação que parecia um “A” enquanto caminhava pelos Alpes suíços. Nesse momento, Zurbriggen decidiu dedicar os próximos 10 anos de sua vida criando um alfabeto de rochas, um objetivo que ele completou recentemente.

Para compartilhar sua coleção com o mundo (que apresenta todas as 26 letras em maiúsculas e minúsculas, bem como números e pontuação), André as escaneou e as transformou em uma tipografia para que você possa escrever o que quiser usando letras formadas pelo poder da natureza.

2 – Homem passou grande parte da sua vida em busca do monstro do Lago Ness

Não é de se surpreender que existem pessoas por aí que passaram boa parte de suas vidas em busca de caçar o Pé Grande e vasculhando todos os cantos do planeta com esperança de encontrar Yetis.

O que nos leva a Steve Feltham, um homem que passou 24 anos caçando o monstro do Lago Ness apenas para chegar à conclusão de que ele provavelmente não existe. Isso, por si só, seria muito triste, mas a história fica ainda pior, porque junto com o sacrifício de quase um quarto de século, Feltham vendeu sua casa, desistiu de seu emprego, terminou com sua namorada e gastou sua poupança inteira financiando missões de pesquisa para encontrar o monstro.

Curiosamente, Feltham insiste que ele não se arrepende do tempo que passou caçando o monstro do Lago Ness, mesmo que isso o tenha deixado desabrigado, sem dinheiro e totalmente ridicularizado aos olhos dos cientistas e muitas pessoas que souberam de sua busca.

1 – Mulher cria família de manequins e vive com eles por 14 anos

Vivemos em um mundo onde normas tradicionais estão sendo gradativamente eliminadas em favor de deixar que as pessoas adotem a filosofia de fazer o que querem. Isto não é melhor demonstrado do que pela crescente tendência de mulheres que, por uma razão ou outra, estão conscientemente decidindo que não querem filhos, muitas vezes devido ao forte aborrecimento de suas famílias.

A artista Suzanne Heintz é uma dessas mulheres: ela ficou cansada de sua mãe insistindo que ela precisava casar e ter filhos, quando ela já estava bastante satisfeita com sua vida. Um dia Suzanne, em um ato de sarcasmo, simplesmente comprou para si uma família de manequins, com a intenção de posar com eles para uma foto de família genérica e mandar para sua família como cartão de Natal. Suzanne logo percebeu, no entanto, que essa ideia era simplesmente boa demais para ser desperdiçada em uma piada sarcástica. Ela decidiu transformar a coisa toda em um projeto de arte, que durou 14 anos.

Durante esse período, Suzanne viajou o mundo com sua família “perfeita” de manequins, tirando fotos em todos os lugares que visitou para um projeto que apelidou de “Life Once Removed.” A julgar pelo seu blog, que foi atualizado em dezembro de 2015, o projeto terminou ou Suzanne decidiu pausar o projeto temporariamente para cuidar de sua filha manequim.

[Top Tenz]

Compartilhe com seus amigos!